sábado, 11 de fevereiro de 2012

Vai acabar!




Passei aqui os últimos de 15 anos da minha vida na Marinha! 

SOMOS OU NÃO SOMOS DIFERENTES?

No dia 9 de Novembro de 1965, celebrei o meu contrato de trabalho com a Pátria, publicamente e em voz alta para toda a gente testemunhasse, nos termos seguintes:

"JURO DEFENDER A PÁTRIA E AS SUAS INSTITUIÇÕES, NO RESPEITO DA HIERARQUIA E OBEDIÊNCIA AOS CHEFES, MESMO COM SACRIFÍCIO DA PRÓPRIA VIDA."

Desafio, todo e qualquer funcionário, desde o mais modesto servente de latrinas até ao supremo magistrado da Nação, que me apresente um contrato de trabalho equivalente!

Jorge Beirão Reis escreve de acordo com a antiga ortografia.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

NRP CACINE: A LER

NRP CACINE: A LER

Roubei ao Manel porque me parece interessante,

SAGRES - 50 anos

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

A carta

Saiu a carta aberta do presidente da AOFA em resposta às declarações do Ministro da Defesa que tanto brado deram. As reacções não se fizeram esperar. Uma carta enorme que disparava em todas as direcções dava pano para mangas aos opositores. Foi o que aconteceu. O ministro na televisão deu show sem esforço e sem responder a nada em concreto, bastando-lhe criticar a carta na forma e em alguns pormenores do seu variado conteúdo. Quanto aos orgãos de comunicação social, andaram à procura de uma frase ou palavra que fosse polémica e, em não sei quantas páginas, só encontraram a palavra submissos. Nem um só se incomodou em comentar ou publicitar o conteúdo. Conclusão: É preciso ser objectivo e conciso na comunicação, não banalizar a lamúria e não estar constantemente a invocar os valores imateriais que reinvidicamos para os militares. Se a ética, a honra e o patriotismo são nossas características, deixemos que sejam os outros a reconhecê-lo. Como um conhecido general dizia, são os outros, e não nós, quem deve dizer que somos o espelho da nação.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Ciclo de Conferências da Fundação Calouste Gulbenkian

Retransmito a mensagem recebida do Serviço de Ciência da Fundação Calouste Gulbenkian sobre a realização, de Fevereiro a Outubro deste ano, de um ciclo de conferências:

"Temos o gosto de informar V. Exa. que o Serviço de Ciência da Fundação Calouste Gulbenkian realiza de Fevereiro a Outubro de 2012 um ciclo de conferências subordinado ao tema MATEMÁTICA: A CIÊNCIA DA NATUREZA, no qual participarão reconhecidos cientistas portugueses. A primeira conferência – Trazer o céu para a terra – terá lugar no auditório 2 da Fundação Calouste Gulbenkian, no dia 15 de Fevereiro p.f., às 18h00, e será proferida pelo Prof. Doutor Henrique Leitão, da Universidade de Lisboa.
Poderá também assistir em directo, através do site: www.livestream.com.fcg/live.
Aproveitamos a oportunidade para apresentar os melhores cumprimentos.
Rita Rebelo de Andrade, Serviço de Ciência, Fundação Calouste Gulbenkian."

Um abraço.

Jorge Beirão Reis escreve de acordo com a antiga ortografia.