sábado, 26 de janeiro de 2008

REVISTA DE MARINHA

Dizem-me que a Revista de Marinha , fundada por Mauricio de Oliveira e depois , árduamente , continuada pelo Sr. Comandante Gabriel Lobo Fialho...mudou de direcção e de proprietário.

Dizem-me que o comprador terá sido o Dr. Nuno de Carvalho , dono da editora Prefácio , que se tem dedicado a publicar autores com obras relacionadas com as Forças Armadas , feitos militares , guerra colonial....
Bom , que sirva a Marinha , ou o continue , é o que desejamos todos , e vai ser assim , certamente.

COISAS BOAS




A exposição sobre o Senhor D. Carlos , no Terreiro do Paço , é muito interessante. Simples , agradável de ver (ao ar livre) e muito bem disposta. Trata-se do inicio das comemorações dos 100 anos do inenarrável regicidio.
Dia 1 será inaugurada a do Aquário Vasco da Gama.

Começa a fazer-se justiça a este enorme Homem e grande Rei

Patilhas & Ventoinha

Este senhor, António Marinho Pinto, apenas bastonário da Ordem dos Advogados, vem dizer que há criminosos no Estado e que ninguém lhes toca. Um dos exemplos que dá é o de um ministro de um governo recente que atribuiu a concessão de um importante serviço público a uma empresa privada e depois saiu do Governo e assumiu a presidência dessa mesma empresa. Tendo em conta a “gravidade” e “repercussão social” destas afirmações o procurador-geral da República anunciou a abertura de um inquérito ao caso. Esta agora ... não me digam que é preciso chamar os célebres detectives Patilhas & Ventoinha para descobrir quem é este. E se falharem ainda podemos recorrer ao nosso "Perry".

sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

AFORRO

Na caça aos ricos , enganaram-se . Os ricos não têm certificados de aforro.

É o Avô atento , o padrinho remediado , o tio que não sabe o que mais dar , a mãe numa gorgeta inesperada . Estes é que compram certificados.

E o próprio aforrista. Ser aforrista não é ser avaro , ser forreta , ser somítico. É uma cultura , de povo humilde , e bemvinda em todos os regimes , até hoje.

O que ontem o Governo fez , salvo eu estar pouco ou mal informado , é de gravidade imensa .

O aforrista entrega o dinheiro ao Estado , mediante condições , como poupança e investimento seguro , de nenhum risco e consequentemente pouca mais valia. Mas há um acordo nessa mais valia e no prazo.

E tudo , unilateralmente , Teixeiramente , muda numa quinta de manhã?

JACINTO

Saiu com mais uma obra este nosso Amigo e camarada.
Para além de "O monóculo " e "O afiador de facas", que já li , vou-me deliciar agora com as aventuras policiais em "O diplomata e o agente funerário",que acaba de sair , e procurar descobrir o criminoso antes do Jacinto.

Uma curiosidade para nós , marinheiros , e que eu nunca tinha visto , é o apelido do editor ,"Emediato"!

Para o Jacinto um abraço

GORCH FOCH



Quem quizer recordar este nosso companheiro de regata em 64 , poderá ir ao Funchal em 9 de Novembro.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

PARQUE MAYER



Parece que vai haver destroca , outra vez , i.e. o parque volta ao privado....Já em 1905 esteve a Câmara para comprar , o palácio de Adolfo Mayer (1º prémio Valmor) , onde viveu e morreu a Marquesa de Alorna , e os seus jardins , e só não o fez por uma diferença de 25 contos de reis!!!!
Agora , segundo o Alcalde (não tarda dirão assim ) , se ganharam a causa da destroca , vão comprar o parque , a bem ou a mal. Adelante.....

RAFAEL




Morreu neste dia, em 1905.
Como faz falta!

terça-feira, 22 de janeiro de 2008

LIVREM-ME DO DIRECTOR

Com o devido respeito , sempre que vejo este Senhor , lembro-me do fox-terrier.

Per facies e pelas ganas interiores indisfarçáveis de práticas persecutórias.

Livrem-me do Homem.

E que grande defesa fez ele do Governo , do Ministro , do Parlamento.........?????#####%%%

SANTA MARIA

22 de Janeiro de 1961 .
Assalto ao Santa Maria , por pouco tempo auto baptisado de Santa Liberdade.
Corajoso e imaginativo o Cap. Henrique Galvão , homem ilustre.
Insultou os tripulantes pela sua cobardia e submissão.

Mas houve um morto , Nascimento Costa , que se não pode esquecer.

segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Optimismo?


Governo português é o único optimista da zona euro para 2008, dizem os jornais. É o único país que acha que a economia vai crescer, apesar da recessão nos EUA, do preço do petróleo e da subida do euro! Pasme-se, ou somos os melhores ou somos os mais mentirosos... Deve ser por causa desta prometida prosperidade que, aproveitando o tempo estival e as boas ondas, as praias estão hoje com centenas de surfistas que, pelos vistos, não precisam de trabalhar.


P.S. A fotografia não tem nada a ver com o assunto. Ou talvez tenha...