sábado, 6 de outubro de 2007

COISAS BOAS

Imperdível a exposição de Paula Rego no museu reina Sofia (parte nova) . Uma coisa de sonho.

Sobretudo o que me espantou foram os desenhos e os esboços para as grandes telas.

Também me espantou ver um fabuloso tríptico , pertença da Tate e que foi ajudado a adquirir por ..... a Gulbenkian.


Imperdível. Vale a pena cá vir.....

sexta-feira, 5 de outubro de 2007

Praça do Município

Acompanhei pela televisão a cerimónia que decorreu esta manhã, em frente à Camara Municipal de Lisboa, comemorando a efeméride do dia de hoje. Para além do discurso do Senhor Presidente da Républica, com um tema muito a propósito para os dias que hoje vivemos e muito bem construido, não pude deixar de reter o seguinte:
1- embora o tema da intervenção do PR fosse sobre a educação (e que certamente não era desconhecido no meio político) os Senhores Ministros da Educação e do Ensino Superior tiveram mais que fazer e não apareceram. Se isto acontecesse 2 anos atrás, seria uma "trapalhada".
2- o Senhor 1º Ministro chegou atrasado à cerimónia. Se isto fosse com o 1º Ministro anterior teria sido uma "trapalhada".
3- embora a reportagem da Televisão evitasse mostrar a bancada da assistência, parecia que estavam mais individualidades na tribuna do que povo a assistir. Pelos vistos as festas dos Santos Populares dizem mais a este povo lisboetas do que comemorações republicanas!. Será por ser inculto? Ou será porque nada significa?
A vida está difícil, não haja dúvida!

SALUT

De Madrid vos saúdeo, Camaradas e oceanos , depois de uma viagem inacreditável na nossa(será?) TAP.

1-Comprei bilhete TAP e voei na Portugália

2- O embarque era ás 1520 para sair pelas 1600. Eram 1610 ainda ninguém tinha aparecido na porta 3 e nos ecrans nada dizia...

3-cerca das 1640 lá se embarcou. Ficamos 12 minutos no autocarro junto á porta. Seguimos para o aviao(Fokker) e ficamos , ainda dentro do bus e sob um sol escaldante , cerca de 15 minutos.

4- Com tudo sentado no aviao , eram 1720 , informa o comandante que só sairiamos ás 1800.

5-Resumindo. ATD casa Lisboa 1400 TMG ATA casa Madrid 2015 TMG

6- Conclusão......Nem tiro

quinta-feira, 4 de outubro de 2007

OLÁ OC


Dado que o nosso inestimável e indispensável Jota resolveu meter férias do Bom Dia OC, ficámos todos um bocado descalços... Assim cabe-nos a nós todos dar um input e tentar preencher o vácuo deixado pelo desertor. (VOLTA,JOTA;ESTÁS PERDOADO...)
Assim proponho que todos ou alguns de nós editemos uma espécie de bons dias ao OC, em molde provisório faça, e vamos ver o que dá.

Para já proponho que a rubrica se chame OLÁ OC.
E como hoje é 4 de Outubro aí vai uma sentida homenagem de um Republicano a um oficial de Marinha:
Almirante Carlos Cândido dos Reis

Nasceu em 1852 e morreu em 1910, na Travessa das Freiras, em Arroios, Lisboa.
Teve uma carreira militar na Armada chegando ao posto de vice-almirante. Nunca ocultou as suas convicções republicanas, participando inclusive em manifestações públicas. Foi, por isso, um dos líderes republicanos com maior evidência na propaganda contra a Monarquia e contra os abusos do clero.
Se o movimento revolucionário, a 28 de Janeiro de 1908, não tivesse falhado, Cândido dos Reis teria chefiado o movimento. Depois deste fracasso, empenhou-se cada vez mais na sua actividade contra a Monarquia. Juntamente com João Chagas, marcou uma revolução para 20 ou 21 de Agosto de 1910. Devido a uma denúncia tiveram que adiar essa revolução. Todavia, a 28 de Agosto de 1910, o Partido Republicano conheceu um importante triunfo: são eleitos dez deputados entre os quais se encontra Cândido dos Reis.
Perante esta situação, abre-se caminho para a revolução republicana, que ficaria agendada para a madrugada de 4 de Outubro. A morte do Professor Miguel Bombarda, na tarde do dia 3, membro do comité civil e amigo do vice-almirante, fez recear a revolução, mas Cândido dos Reis avançou contra todas as hesitações.Os oficiais da Armada juntaram-se então no local e na hora combinados. Sob a chefia de Cândido dos Reis foi suposto dirigirem-se aos navios e fazerem desembarcar as guarnições disponíveis, com o fim de travarem o combate final contra a Monarquia. Contudo surgiram algumas contrariedades, pois a revolução em terra falhara, os sinais combinados encontravam-se todos trocados e travava-se uma batalha sangrenta. Para evitar uma chacina ainda maior, Cândido dos Reis libertou os seus companheiros de qualquer actividade e desmobilizou-os. Dando a revolução como falhada Cândido dos Reis foi para casa da sua irmã, na Rua de D. Estefânia. Pouco depois das cinco horas da manhã, quando já não se ouvia o troar da artilharia, saiu de casa. Às 6 horas da manhã era encontrado morto na Travessa das Freiras.
A sua morte levantou desde logo dúvidas, ignorando-se se foi suicídio ou assassínio.
Após tentativas frustradas de revolução e de algumas décadas de propaganda contra o regime monárquico, o regime republicano foi instaurado em Portugal, a 5 de Outubro de 1910, por meio de uma revolução armada organizada por conspiradores militares e civis, congregados em torno do Partido Republicano e de duas organizações secretas de cariz social diferente (a Maçonaria e a Carbonária).
Os dirigentes revolucionários tinham previsto que a revolução triunfaria facilmente em Lisboa e seria depois proclamada no resto do País por telégrafo. Assim veio efectivamente a acontecer, dado que os combates, de dimensão relativamente reduzida, se circunscreveram unicamente a Lisboa (Rotunda).
A República instituiu um regime de igualdade política, nomeadamente no campo das liberdades de associação e expressão e dos direitos eleitorais, mas não realizou a igualdade social, nunca conseguindo encontrar meios para eliminar as precárias condições de vida da grande massa da população, extremamente pobre e com elevado nível de analfabetismo.

quarta-feira, 3 de outubro de 2007

O HOSPITAL DA MARINHA É NOSSO?

Não me consegui calar , pessoal.

Não vos estou a criticar pelo vosso silêncio.

Só estou a dizer que resolvi não me calar , dentro da hierarquia , pois não gostaria de o fazer fora.

Assim , além da carta ao CEMA , falei a outro importantíssimo membro das nossas (para mim ainda são) Chefias , que ficou siderado e nem queria acreditar.

Fiquei magoado , melindrado , ofendido e achincalhado.

E resolvi acordar.....
"MPM versus Serviço de Estomatologia do HM" enquanto isto é mole.


O Mar continua zangado ...

... com a Azarujinha. Não satisfeito em ter-lhe levado a maior parte da areia, agora deixou-lhe em troca um "caldo verde" que não é brincadeira nenhuma. Nunca tinha visto nada parecido com isto. Este ano, em termos de praia, é para esquecer!


(Para ampliar, "clicar" nas imagens)

Olha quem ele é ...



Apanhado no blogue "Cãmara Corporativa" ... mas que achado, senhores!

terça-feira, 2 de outubro de 2007

COISAS BOAS

Fui ver o MS DEUTSCHLAND.

Linha moderna , 470 passageiros , camarotes simples mas cómodos , e uma área comum de luxo , belle époque , muito bonita e cómoda.

Almoçei. bem , mas podia ser bem melhor. Aquela comida.....

Seguia para Portimão e Mónaco.

Para reformados é o que convém. Sobretudo os reformados das Forças Armadas Portuguesas

Alguém explica?

O Governo , este , que vamos tendo graças à oposição de Mendes e dos seus assessores, pela voz , ou boca , daquela personagem sinistra que é o Ministro da Presidência , resolveu isentar de IRS a bolsa dos profissionais de alta competição ....MUITO BEM , digo eu ....e, os seus treinadores ...ESSA É BOA , digo eu também.

Os rapazes e raparigas , com esforços tremendos , mas , sobretudo carreiras de muita curta duração, percebe-se bem.

mas os treinadores ?????

Vou ali e já venho

segunda-feira, 1 de outubro de 2007

BOLSA DE PANDORA

Dá-me ideia que o meu Amigo , ontem , abriu a bolsa.

E , como dizia o poeta , "...quando desembarcarmos no Rossio , canção , verão que a rua não é um rio....".

Ou , como diria Madaíl "...driblou-se a ele mesmo..."

É pena. Gosto dele

O Mar

(Para ampliar, "clicar" na imagem)

Talvez zangado por não lhe terem ligado nenhuma no seu dia, como muito bem notou o Temes, o senhor Mar veio por aí acima e levou a praia da Azarujinha com ele ... adeus e até pró ano, espero eu.

domingo, 30 de setembro de 2007

Dia Mundial do Mar

Gostaria de saber quantos de vós souberam que no passado dia 27 de Setembro se comemorou o dia Mundial do Mar. E já agora quem me indica um orgão de comunicação social que tenha referido tal evento. E quem me indica onde estiveram navios abertos a visita (por ex. os oceanograficos e de pesca).

Mais uma vez estamos presentes perante a incoerência entre o discurso e a acção. Como será possível, por um lado andar a afirmar a importância do Mar para a vida desta comunidade portuguesa e depois assistir a este alheamento nomeadamente dos governantes.
Estive, na tarde desse dia, presente numa sessão evocativa promovida pelo IPTM (Instituto Portuário e Transporte Marítimo) única entidade que que se dignou falar sobre o Mar. Estavam igualmente presentes os habituais 100 indivíduos, que normalmente se arrastam nas sessões da área marítimo-portuária e onde os orgãos de comunicação social primam pela ausência (talvez tenham que ter ido ver o treinador Mourinho entrar em casa depois do seu almoço com uns amigos em Setúbal!). A única diferença foi a presença do Alm. CEMA a quem a Secretária de Estado dos Transportes, na sua intervenção) chamou CEMGFA (e que não estava em sua representação!).

Trantando-se do Dia Mundial do Mar seria natural a presença naquela sessão de outros membros do governo que tem tutela sobre o Mar (e são vários....), principalmente o Sec Est dos Assuntos do Mar (a menos que o título lhe tenha sido atribuído por engano, ou porque os membros do governo tem ciúmes uns dos outros). Para já não referir que seria natural que outros ministérios tivessem iniciativas sobre o tema!

A vida está difícil, não haja dúvida !