sábado, 28 de abril de 2007

Bom dia OC!

José Malhoa
José Malhoa nasceu nas Caldas da Rainha no dia 28 de Abril de 1854.
Entrou aos 13 anos, em Outubro de 1867, na Real Academia de Belas-Artes onde foi aluno de Tomás da Anunciação. Durante os 8 anos do curso, distinguiu-se pelas suas aptidões e qualidades artísticas, conseguindo ganhar todos os anos o prémio de melhor aluno.
Depois do curso ainda foi caixeiro duma loja de modas pertencente a um seu irmão, mas em 1881 dedicou-se inteiramente à arte.
Malhoa morreu em 26 de Outubro de 1933.

sexta-feira, 27 de abril de 2007

Bom dia OC!

Fernão de Magalhães morreu lutando contra nativos na ilha de Mactan, nas Filipinas, no dia 27 de Abril de 1521. Terminava assim de forma inglória a sua sonhada viagem de circum-navegação que tinha iniciado em Setembro de 1519.
Magalhães nasceu em Trás-os-Montes, provavelmente em Sabrosa, no dia 3 de Fevereiro de 1480.
Em 1505 partiu para a Índia na armada de D. Francisco de Almeida. Sob o comando de Afonso de Albuquerque, participou na conquista de Malaca em 1511. Em 1514 é ferido em combate na defesa de Azamor, em Marrocos, o que o levou a pedir um aumento da tença a D. Manuel I, aumento que lhe foi recusado.
Esta recusa levou-o a colocar-se ao serviço do rei de Espanha, Carlos V, a quem mais tarde convenceu a dar-lhe os meios necessários para poder levar a cabo a primeira viagem de circum-navegação, atingindo as Molucas por mares que não estavam reservados aos portugueses no Tratado de Tordesilhas.

quinta-feira, 26 de abril de 2007

AGUENTA RAPAZ



33 anos e 1 dia depois do 25 de Abril o "nosso" Hita resolveu que não havia de ficar com a


mesma visicula .


Ela já não tinha lá muita bilis e parecia mais a pedreira de Carrara , e ía dando mal estar , azia e


mau feitio ao nosso Amigo.


E assim , numa "de caras" , lá a tirou.


Vai leiloá-la no Club a 27 de Maio , para ajuda do casamento da 4ª filha

Verão

Mesmo com alguns dias de céu cinzentão, parece-me que o Verão se aproxima a passos largos!

(Para ampliar, "clicar" na fotografia)

Bom dia OC!

No dia 26 de Abril de 1937, passam hoje 70 anos, a Legião Condor formada por voluntários da Luftwaffe nazi, destruiu Guernica.
Foi o primeiro bombardeamento aéreo de uma povoação com o objectivo de a destruir. Foi o primeiro bombardeamento em que a Luftwaffe ensaiou material e métodos que depois viria a aplicar durante a 2ª Guerra Mundial.

quarta-feira, 25 de abril de 2007

Bom dia OC!

Leitão Rodrigues


Se tivesses sido tu a escolher, não terias escolhido melhor o dia do teu aniversário.


Assim, permite-me que através de um vermelho (que também o é do teu Benfica) cravo de Abril, te envie um grande abraço de parabéns e votos de inúmeras repetições com saúde e amizades, sempre acompanhadas pela inconfundível boa disposição que te caracteriza.


P.S. Como nem tudo são rosas (melhor, cravos, neste dia) e esperando que não leves a mal, fica aqui uma pequena chamada de atenção quanto aos almoços Oceânicos e às colaborações no blogue.

terça-feira, 24 de abril de 2007

Fernando Pessoa revisitado

Numa visita ao blog do curso CR, com acesso directo a partir do nosso, deparei com a transcrição de uma dedicatória do FP aos seus amigos, feita de uma forma profunda, como nos habituou, mas num tom um tanto fatalista.
E na altura ocorreu-me que era precisamente esse processo inelutável que o nosso blogue pretendia contrariar, ao inserir a intenção editorial que logo se nos depara ao abri-lo.
Com a devida vénia ao CR, aqui reproduzo aquele escrito:

"Um dia a maioria de nós irá separar-se.
Sentiremos saudades de todas as conversas jogadas fora, das descobertas que fizemos, dos sonhos que tivemos, dos tantos risos e momentos que partilhamos.
Saudades até dos momentos de lágrimas, da angústia, das vésperas dos finais de semana, dos finais de ano, enfim... do companheirismo vivido.
Sempre pensei que as amizades continuassem para sempre.
Hoje não tenho mais tanta certeza disso.
Em breve cada um vai para seu lado, seja pelo destino ou por algum desentendimento, segue a sua vida.
Talvez continuemos a nos encontrar, quem sabe...nas cartas que trocaremos.
Podemos falar ao telefone e dizer algumas tolices...
Aí, os dias vão passar, meses...anos... até este contacto se tornar cada vez mais raro.
Vamo-nos perder no tempo....
Um dia os nossos filhos verão as nossas fotografias e perguntarão: "Quem são aquelas pessoas?
"Diremos...que eram nossos amigos e...... isso vai doer tanto!
"Foram meus amigos, foi com eles que vivi tantos bons anos da minha vida!
"A saudade vai apertar bem dentro do peito.
Vai dar vontade de ligar, ouvir aquelas vozes novamente......
Quando o nosso grupo estiver incompleto... reunir-nos-emos para um último adeus de um amigo.
E, entre lágrima abraçar-nos-emos.
Então faremos promessas de nos encontrar mais vezes daquele dia em diante.
Por fim, cada um vai para o seu lado para continuar a viver a sua vida, isolada do passado.
E perder-nos-emos no tempo.....
Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo: não deixes que a vida passe em branco, e que pequenas adversidades sejam a causa de grandes tempestades....
Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!"
(Fernando Pessoa)
-
Concordam? Se sim, animemos o nosso blog, chamemos os que por motivos vários vão deixando, quantas vezes sem darem por isso, folgar aqueles laços.
Se tiverem paciência, não deixem de ver naquele blog do CR, o postal editado no dia 21 do corrente mês, que provavelmente muito tem a ver com a nossa viagem na "Sagres".

LEMBRANDO COM SAUDADE


Oceanos Amigos
Em Junho de 1964 na lavagem da roupa, podemos ver da esq para a drt: Fuzeta da Ponte e Aires da Silva, fardadinhos a rigor!Depois temos o Soares Rodrigues e em primeiro plano, o velho Marnoto.
Escusam de dar outros palpites para os oceanos da foto pois as legendas no verso das fotografias não enganam.
Abraços a todos

Bom dia OC!

Passam hoje 17 anos sobre o lançamento em órbita do telescópio espacial Hubble, resultante de uma parceria entre a NASA e a Agência Espacial Europeia.
Apesar da sua vida no espaço já ter sofrido diversas ameaças, devidas sobretudo às dificuldades com que tem vindo a deparar a sua manutenção face às perturbações que atingiram as missões dos Space Shuttles após o desastre do Columbia, o Hubble é um dos satélites que há mais tempo se mantém activo e a fornecer à comunidade científica informação de indiscutível valor.
Julgo que vale a pena visitarem as páginas no site da NASA dedicadas ao Hubble, seguindo a ligação que aqui deixo, e verem, neste outro link, algumas das imagens por ele captadas.

segunda-feira, 23 de abril de 2007

Em louvor da fotografia



A visão é um sentido impiedoso.
A fotografia tem esta vantagem: permite-nos seleccionar uma fatia da realidade que seja agradável e eliminar o que está à roda e nos contraria, por retratar o que somos e como estamos.
Assim se pode ocultar, na rua das Portas do Sol, o mendigo que, com a sua pegajosa insistência, enxota os turistas, bem como os restos de um fio eléctrico que brota do passeio e já não alimenta nada, cortado cerce aos dois metros de percurso ao ar livre.
Há quem diga que a fotografia é uma arte. Sê-lo-á, para quem é artista (o que não é, evidentemente, o meu caso). Nos restante casos, convém não esquecer que arte e artifício têm a mesma raiz.

Navios, navios...


Cada edição dos Anais do CMN provoca-me uma crise de azia ao ler a crónica de Construção Naval. As notícias da construção dos patrulhões e da renovação da esquadra em geral, são cada vez piores. E não se vê nenhuma reacção oficial, nem a nivel da Marinha , nem a nível do Governo. Fica-se com a sensação de que o governo até gosta disto. Não há navios , não há Marinha, não há despesa! Os estaleiros, supostamente salvos pelas encomendas militares, não tugem nem mugem e, pelos vistos, também não trabalham. Será isto tudo a fingir?

A Marinha actual está resumida na imagem junta. É assim que querem?

COM O PREGO A FUNDO ...

Michel Desjoyeaux a uma velocidade perfeitamente louca !!!

domingo, 22 de abril de 2007

COM 40 A 50 NÓS DE VENTO...

Não deve haver muita gente com coragem para fazer isto!!!!

Bom dia OC!

Mariana Alcoforado nasceu em Beja no dia 22 de Abril de 1640. Aos 11 anos foi obrigada a entrar no Convento da Conceição daquela cidade e cinco anos depois professou na Ordem de Santa Clara.
Dizem que não abraçou com grande convicção a vida religiosa e, talvez por isso, ficou perdidamente apaixonada quando lhe apareceu pela frente o Capitão Noël Bouton, Marquês de Chamilly, oficial de um regimento francês de passagem por Beja, paixão que as famosas “Lettres portugaises” tornaram célebre.
Soror Mariana morreu em Beja no dia 28 de Julho de 1723.